SMPIR realiza cadastramento de comunidades de matriz africana na cidade de São Paulo

São Paulo/SP – Mapeamento com os dados coletados dará origem a relatório que orientará políticas públicas. A Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial (SMPIR) realiza até o dia 28 de março, o cadastramento de comunidades tradicionais de matriz africana na cidade de São Paulo.

O cadastro além de levantar dados de localização e especificidades de cada comunidade, terreiro ou casa, pretende conhecer quais são os saberes compartilhados. Para o cadastramento, foi criado o site www.matrizafrocredenciamento.prefeitura.sp.gov.br. Além dos dados de localização e da história da comunidade, haverá espaço para contar histórias emblemáticas sobre as religiões de matriz africana em São Paulo.

Os dados coletados darão origem a um relatório que auxiliará a SMPIR a planejar as ações de políticas públicas para esse setor. O relatório será apresentado em um grande encontro das comunidades da cidade de São Paulo promovido pela SMPIR.

No comments yet.

Join the Conversation