Taáta Katuvanjesi é recebido pelo ex-presidente Lula

“Passarei o resto da minha vida tentando justificar o carinho e a solidariedade que recebi de vocês durante todo esse período.” Foi dessa forma que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se expressou ao participar do encontro que reuniu no sábado (18), na sede da Central Única dos Trabalhadores (CUT), em São Paulo, representantes de mais de 25 organizações e movimentos que fazem parte do Comitê Nacional Lula Livre, entre eles integrantes do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), Partido da Causa Operária (PCO), Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e Partido dos Trabalhadores (PT).

“As minhas primeiras palavras são de agradecimento. Não sei se tudo que fizer daqui para frente paga o que vocês fizeram pela democracia e pela minha liberdade”, reconheceu Lula, que ao final do encontro recebeu o Coordenador Geral do ILABANTU – Instituto Latino Americano de Tradições Bantu, representante para América Latina e Caribe do Centro Internacional das Civilizações Bantu(CICIBA) e dirigente do Terreiro de Candomblé Inzo Tumbansi,  Taata Nkisi Katuvanjesi – Walmir Damasceno(foto, com o ex-presidente Lula).

Durante encontro com Lula, Katuvanjesi fez um minucioso relato do momento difícil vivenciado pelas religiões de matrizes africanas e denunciou ataques porque passa os povos de terreiros, as perseguições sistemáticas e violências, fruto do racismo religioso e institucional.

Author Description

admin

No comments yet.

Join the Conversation