UESC e Projeto Mãe Ilza Mukalê II firmam parceria

Salvador/Ba – Com a intenção de discutir as possibilidades de colaboração entre a ação extensionista da Universidade Estadual de Santa Cruz e o projeto “Mãe Ilza Mukalê II: Música, Identidade e Memória”, a equipe realizadora do projeto citado, juntamente com a Profª Valéria Amim, se reuniram com o Pró-Reitor de Extensão da UESC, o Profº Alessandro Fernandes de Santana. Por ocasião, foi destacada a importância de ações que colaborem com o desenvolvimento social da região, sobretudo envolvendo as comunidades negras.

mae-ilza-mukale

Tendo a parceria oficializada na última quarta-feira (10/09), a intenção do acordo de parceria é propor ações que contribuam na transferência de conhecimento e tecnologia demandadas pela comunidade atendida pelo projeto Mãe Ilza Mukalê II.

A parceria se articula a partir do projeto de “Mapeamento de comunidades religiosas de matriz africana da Bacia do Leste” (UESC-FAPESB), desenvolvido pela Profª Valéria Amim, pesquisadora do Núcelo de Estudos Afro-Baianos Regionais da UESC (KÀWÉ).

O projeto “Mãe Ilza Mukalê II: Música, Identidade e Memória” oferece, entre os meses de agosto e dezembro de 2014, o Curso de Formação de Agentes Culturais para 40 jovens de comunidades negras e de terreiro; além da Pesquisa Participativa, com etnomusicólogo Vincenzo Cambria, e os Encontros da Tradição Oral com Mãe Ilza Mukalê.

A realização do Projeto é da Organização Gongombira de Cultura e Cidadania e do Terreiro Matamba Tombenci Neto, com o apoio financeiro da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

Para maiores informações, acesse: http://maeilzamukale.blogspot.com.br/

ASCOM – Flávio Rebouças, para a Redação Kimwanga-Nsangu – Agência de Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.