V Ecobantu: “Os bantu no mundo Afro-atlântico”, deverá acontecer em dezembro deste ano em São Paulo

O Comitê Cientifico do Encontro Internacional das Tradições Bantu (ECOBANTU) reuniu-se virtualmente no início da noite de ontem (19/7) e discutiu as possibilidades de realização da quinta edição do Encontro em dezembro deste ano objetivando discutir a temática “Os Bantu no Mundo Afro-Atlântico”.

Segundo o professor doutor Vagner Gonçalves da Silva, que coordena o Comitê junto com Rosenilton Silva de Oliveira e Pedro Neto, o evento idealizado e construído pela Comunidade Tradicional de Matriz Centro Africana Inzo Tumbansi, liderada por Tata Nkisi Katuvanjesi, visa estabelecer e fortalecer uma rede formada por esta organização, através de intercâmbios e trocas de experiências transatlânticas, propondo reflexões e ações que atuem para salvaguardar e dinamizar as culturas Bantu.

O evento de amplitude e dimensão internacional, é uma proposta originada do Instituto Latino Americano de Tradições Afro Bantu (ILABANTU), organização de fortalecimento político institucional de povos e comunidades tradicionais de terreiros deverá acontecer de forma virtual de 1 à 5 de dezembro, em parceria com a Associação Àgò Lònà, coordenada por Pedro Inatoby Neto, iniciado no Ilé Àse Palepa Mariwo Sessu – SP (fundado em 1979) dirigido por Ìyà Sessu, Cientista social graduado pela (PUC) de São Paulo.

4 comentários em “V Ecobantu: “Os bantu no mundo Afro-atlântico”, deverá acontecer em dezembro deste ano em São Paulo”

  1. Bàbá Wallamym

    Fico feliz por ver irmãos voltados a mostrar ao mundo que podemos ser unidos,falarmos da religião com outros irmãos de asé que idealizam a mesma fé no sagrado. É muito importante ter esses congressos. Parabéns pra todos vcs do Inzo Tumbansi,em especial ao Tata katuvanjesi.

  2. Makuiu, saúdo a todas e todos por esta iniciativa. É bastante louvável e necessária esta interação entre nosso Povo. Além de estreitarmos loços estaremos resgatando os mesmos que nos apartaram nas diáspora. Makota Sangulouisa.

  3. Valeria Ribeiro moreira sabino

    Taata katuvanjessi o senhor vem nos mostrando o quanto podemos enriquecer culturamente .obrigada por nos presentiar com tanto conhecimento pois agora podemos dizer que sabemos de nossas verdadeiras origem makuiu, nzambe aquatesa. Mametu Matambenganga.

Deixe um comentário para Valeria Ribeiro moreira sabino Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.