Condephaat aprova tombamento do Inzo Tumbansi

Vagner Gonçalves da Silva, professor doutor, pesquisador e orientador do Departamento de Antropologia, do Programa de Pós Graduação em Antropologia Social e do Programa de Pós Graduação em Estética e História da Arte da Universidade de São Paulo encaminhou na manhã deste primeiro de agosto de 2022 a seguinte mensagem: “é com grande alegria que noticio que no dia 1 de agosto, mês que convencionalmente a tradição afro-brasileira associa a Kavungu, o conselho do Condephaat aprovou o tombamento do Inzo Tumbansi”. O Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico, órgão da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, tem a função de proteger, valorizar e divulgar o patrimônio cultural no Estado de São Paulo. Nessa categoria se encaixam bens móveis, imóveis, edificações, monumentos, bairros, núcleos históricos, áreas naturais, bens imateriais, dentre outros.
A próxima etapa do processo de tombamento é ratificação pelo próprio Conselho do Condephaat tornando essa decisão definitiva. De qualquer forma o Inzo Tumbansi já está sob a proteção da lei de tombamento. Parabéns Tata por levar adiante essa ancestralidade Bantu para as futuras gerações”, disse Vagner Gonçalves em mensagem a Tata Nkisi Katuvanjesi (Walmir Damasceno).
“O Inzo Tumbansi é um centro espiritual, espaço de vivências de saberes e fazeres ancestrais, sediado em Itapecerica da Serra, na grande São Paulo, tendo se destacado com seu engajamento em frentes de lutas políticas como instituição defensora e divulgadora das africanidades, chamando atenção e despertando interesses de pessoas do Brasil e Exterior, intelectuais ou pessoas simples”.

2 comentários em “Condephaat aprova tombamento do Inzo Tumbansi”

  1. Nganga Osiminangô

    Parabéns meu querido, você é merecedor pela sua luta e persistência com a nossa religião e deu a cara a tapa mesmo com as criticas serviu de incentivo, parabéns.
    Nganga Osiminangô

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.