Primeira Deputada transexual do Brasil, Erica Malunguinho homenageia Inzo Tumbansi

A Deputada estadual paulista Erica Malunguinho, primeira parlamentar transexual do Brasil homenageia a Comunidade Tradicional de Matriz Centro Africana Inzo Tumbansi com entrega de honraria em comemoração ao Novembro Negro. O evento será realizado dia 24, às 19h00, no auditório Franco Montoro, na Assembleia Legislativa de São Paulo. Na ocasião será entregue diploma de reconhecimento pelo trabalho desenvolvido pelo INZO TUMBANSI, seu idealizador e fundador Taata Nkisi Katuvanjesi (Walmir Damasceno), em prol das lutas antirracistas no estado de São Paulo e do Brasil.
Katuvanjesi, que recentemente foi homenageado com o troféu Bahia. Estado África, pela secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Governo do Estado da Bahia, Fabya Reis, cumpre agenda institucional percorrendo cidades brasileiras e será representado pela coordenadora de relações institucionais do ILABANTU Nzo Tumbansi, maganza Itemosi dya Nzambi, a assistente social Thais Mariano, de Nkosi.

2 comentários em “Primeira Deputada transexual do Brasil, Erica Malunguinho homenageia Inzo Tumbansi”

  1. Parabéns nobre Amigo Taata Nkisi Katuvanjesi (Walmir Damasceno), o Sr. merece todo reconhecimento e homenagens. Grande líder, grande guerreiro. A bençãos! Motumbá!

    Mo Júbà!

    Gladston Bispo (Pai Gladston Fenorixá)
    * Ministro Religioso Asé Odédàrésè;
    * Presidente da FENORIXÁ – Federação Nacional da Religião Orixá (Praia Grande – São Paulo – Brasil);
    * Membro Consultor da Comissão de Liberdade Religiosa da OAB/SP-Praia Grande (2019/2021);
    * Vice-presidente do COMPIR-PG – Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Praia Grande/SP (2021-2023).

    WhatsApp: (13) 9.8833.4249

  2. Fantástico esse movimento cultural, envolvendo pessoas de grande coragem e determinação empenhando-se na conquista do seu espaço, desconstruindo preconceitos de gênero, raciais e religiosos. Trazendo todo um contesto de ancestralidade (embora de uma forma dura e cruel), mas que deu corpo e forma ao que somos hoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.