Tenente-coronel da PM sofre ataque racista em palestra virtual da USP

http://inzotumbansi.org/home/wp-content/uploads/2021/02/TENENTE-CORONEL-SOUZA.jpgTenente-coronel da PM sofre ataque racista em palestra virtual da USP

O tenente-coronel da Polícia Militar de São Paulo Evanílson de Souza sofreu ataques racistas enquanto fazia uma palestra em uma conferência on-line, terça-feira (9). O policial, que é negro, falava sobre o programa de combate ao racismo que desenvolve na corporação. Ele foi chamado de ‘macaco’ e outras ofensas durante palestra virtual organizada pelo Instituto de Relações Internacionais da Universidade de São Paulo (USP). O oficial, que é negro, foi xingado e recebeu palavras de ódio enquanto falava para 2 mil pessoas, a maioria policiais, sobre o programa de combate ao racismo que desenvolve na PM.
Dia 25 de janeiro deste ano, o Oficial (na imagem de máscara escura), esteve no Terreiro de Candomblé Inzo Tumbansi, liderado por Tata Nkisi Katuvanjesi(Walmir Damasceno), em Itapecerica da Serra, na grande São Paulo representando a corporação no encontro com oficiais do Núcleo de Religiões de Matrizes Africanas da Policia Militar da Bahia(NAFRO-PM-Bahia), e comentou como pretende “contribuir para a desestruturação do racismo estrutural”.
“O negro tem pressa, porque é muito tempo sofrendo a mesma coisa. O racismo está enraizado nas pessoas historicamente e culturalmente e elas não percebem isso”, disse.

Author Description

admin

No comments yet.

Join the Conversation