Tata Katuvanjesi convidado para conferência internacional que celebrará luta de Simon Kimbangu na libertação de África

“As Culturas Tradicionais, Espirituais e Ancestrais do Congo e Simon Kimbangu do ponto de vista de um Africano-Brasileiro”, será tema a ser dissertado por Tata Nkisi Katuvanjesi (Walmir Damasceno), em conferência internacional que acontecerá nos dias 28 e 29 de maio de 2021, das 10h00 às 15h00, (horário de Nova York). O evento marcará cem anos da prisão do jovem catequista Kongo Baptist Simon Kimbangu, organizado pela Kongo Academia em videoconferência que tratará da temática: “Movimentos socioculturais do Congo: 100 após a prisão de Simon Kimbangu”.
Na lista de palestrantes, tem confirmada participação de acadêmicos cujo trabalho enriqueceu os estudos do Kongo por quase 60 anos, com palestrantes de diferentes universidades e de organizações não governamentais da África, Europa, América do Norte e América do Sul.
Convite ao líder do Terreiro de Candomblé Inzo Tumbansi, Tata Katuvanjesi, que coordena o ILABANTU e representante para Brasil e América Latina do Centro Internacional de Civilizações Bantu (CICIBA), foi feito pelo professor doutor Adrien N. Ngudiankama, MPhil., PhD., coordenador da Kongo Academia, congolês residente em Washington.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.